Notícias Dicas


USP Propõe Criação de Novo Índice de Massa Corporal

USP Propõe Criação de Novo Índice de Massa Corporal

USP Propõe Criação de Novo Índice de Massa Corporal

Estudo da Universidade de São Paulo (USP), em Ribeirão Preto, propõe a criação de um novo IMC (Índice de Massa Corporal). O foco principal da medida são as pessoas com peso normal ou leve sobrepeso, mas que podem ter chances de desenvolver doenças crônicas, como diabetes e hipertensão.

Conhecido mundialmente, o IMC
é uma medida antiga, do século XIX. Trata-se de um cálculo rápido para saber se alguém está muito acima ou muito abaixo do peso ideal.

A conta é feita da seguinte forma: divide-se o peso da pessoa pelo quadrado da sua altura. O peso é considerado ideal quando o IMC está entre 20 e 25. Acima disso passa a ser sobrepeso. Mais do que 30 é considerado obesidade.

A medida do estudo da USP pode ser o primeiro IMC brasileiro, já que não há registro de cálculos semelhantes no país.

Aparelho

Para chegar ao resultado, além de saber o peso e a altura da pessoa, esse estudo utiliza um aparelho de impedância bioelétrica.

Semelhante a uma balança doméstica, mas com fios que se ligam a dois bastões, o aparelho possui duas hastes nas quais a pessoa segura durante 30 segundos. Assim, por meio da corrente elétrica, é calculada a chamada massa gorda, ou seja, tudo o que não é osso, órgão etc.


De acordo com a nutricionista Mirele Mialich Grecco, autora do estudo, esse aparelho já pode ser encontrado em academias de ginástica, hospitais e clínicas de endocrinologistas e nutricionistas.

É o detalhe de calcular a gordura do corpo o diferencial do estudo da USP.

O Tradicional

Pelo IMC tradicional, um indivíduo com 1,70 m e 72 kg estaria com peso dentro do esperado (IMC 24,9). Já no IMC "brasileiro", se o aparelho constatasse que a mesma pessoa tem 32% de quantidade de gordura em seu corpo, o índice já a classificaria com risco de obesidade.

Para projetar a fórmula do IMC brasileiro, o estudo avaliou 501 estudantes da USP. Agora, a pesquisa, orientada pelo docente Alceu Jordão Junior, pretende ampliar o número e a diversidade do grupo para se aproximar de uma amostra do povo brasileiro.

Leia Mais:
Obesidade Reduz Expectativa de Vida
IMC Alto Leva a Aumento de Taxa de Mortalidade
Índice de Adiposidade Corporal: Novo Método de Avaliação

Colunistas