Notícias Dicas


Porções maiores, mais obesidade?

Porções maiores, mais obesidade?

Porções maiores, mais obesidade?

De acordo com o Centro para Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, a
refeição média em restaurantes do país é mais de cinco vezes maior do
que era na década de 1950. O hambúrguer triplicou de tamanho. As porções
de batatas fritas estão duas vezes maiores. Há uma correlação clara
entre o aumento do tamanho das porções e aumento da obesidade no país.
Os franceses, por exemplo, comem alimentos de alto teor calórico, mas em
porções bem menores, por isso não se verifica no país aumento
significativo nas taxas de obesidade e sobrepeso.

Em um dos experimentos de Brian Wansink, as pessoas receberam uma
grande tigela de sopa de tomate Campbell para que tomassem o quanto
quisessem. As tigelas de sopa foram projetadas para se reabastecerem
(por meio de um fundo falso ligado a uma máquina por baixo da mesa). Não
importa o quanto os participantes tomavam a sopa, a tigela nunca ficava
vazia. O resultado? O consumo de sopa disparou. Muitas pessoas
simplesmente continuaram tomando até que o experimento foi finalizado.

Um artigo interessante sobre este tema foi publicado no jornal de
Cleveland: http://migre.me/draLW 

Colunistas