Notícias Dicas


Melhorar a rotulagem dos produtos alimentares pode ajudar os consumidores a faze

Melhorar a rotulagem dos produtos alimentares pode ajudar os consumidores a faze

Um estudo conduzido pelo Food and Drug Administration (FDA) chegou a essa conclusão. O FDA está em processo de atualização das informações nutricionais que seguem nos rótulos de todos os produtos alimentares e bebidas nos EUA. Pesquisadores da organização acreditam que os rótulos melhorados podem ajudar os consumidores a tomar decisões saudáveis ​ ​sobre os alimentos que compram.

A FDA encomendou o estudo como parte do plano de ação do seu Grupo de Obesidade. O objetivo dos pesquisadores era determinar se ao modificar os elementos-chave do rótulo dos fatores nutricionais os consumidores poderiam vir a entender melhor as informações, o que poderia levar a decisões mais saudáveis ​​ao comprar e consumir.

Algumas mudanças foram responsáveis pelo aumento no percentual de pessoas que liam os rótulos a primeira vez que compravam um produto. Em 2002, 44% dos consumidores tinham este costume. Depois de seis anos, este número subiu para 54%.

Para testar a eficácia de diferentes rótulos, os pesquisadores criaram um novo rótulo, usando duas colunas para exibir os detalhes nutricionais para uma única porção de um produto ao lado dos detalhes do pacote inteiro. Os pesquisadores também criaram rótulos em que só aparece a informação nutricional para o pacote inteiro, em vez de usar o método de citação por porção informação nutricional.

Os consumidores se mostraram mais interessados nos rótulos com as duas colunas. Os pesquisadores acreditam que isso se deve ao fato de que as pessoas não gostam de ficar fazendo matemática na hora de comprar ou consumir o alimento. Por isso, a rotulagem por porção facilita a escolha por alimentos mais saudáveis.

Os responsáveis pelo estudo vêm a rotulagem como apenas mais uma ferramenta que pode ajudar os consumidores a fazer escolhas alimentares conscientes e manter práticas alimentares saudáveis, mas uma ferramenta muito valiosa, por isso querem continuar a explorar formas de apoiar o uso eficaz do rótulo para esses fins.

Colunistas