Notícias Dicas


EUA: Triplica a Obesidade Infantil Severa

EUA: Triplica a Obesidade Infantil Severa

EUA: Triplica a Obesidade Infantil Severa
Por Beth Santos

Pesquisa realizada por pesquisadores da Universidade Wake Forest, nos Estados Unidos, concluiu que as taxas de obesidade infantil severa triplicaram no país nos últimos 25 anos, o que coloca estas crianças sob maior risco de doença cardíaca e diabetes.

Os resultados do trabalho mostraram que a prevalência da obesidade severa passou de 0,8% para 3,8% no período entre 1976-80 e 1999-2004. Segundo os dados da pesquisa, haveria cerca de 2,7 milhões de crianças nos EUA que poderiam ser consideradas severamente obesas. O número se baseia na nova classificação proposta pelos Centros de Prevenção e Controle de Doenças e Associação Médica Americana, em 2007.

A pesquisa, que aguarda publicação na revista científica Academic Pediatrics, avaliou a prevalência de obesidade e obesidade severa em mais de 12,3 mil crianças. Ao avaliarem o impacto da obesidade grave, os pesquisadores detectaram um terço das crianças com Síndrome Metabólica, fator de risco para doenças cardiovasculares e diabetes.

 

Colunistas