Notícias Dicas


Estudo Confirma Relação entre Obesidade e Depressão

Estudo Confirma Relação entre Obesidade e Depressão

Estudo Confirma Relação entre Obesidade e Depressão

Estudo realizado por pesquisadores de diversas universidades holandesas concluiu que há, de fato, uma relação bidirecional entre obesidade e depressão. Segundo o trabalho, que analisou 15 estudos envolvendo 58.745 pessoas, a obesidade aumenta o risco de depressão clínica em homens e mulheres e, por outro lado, a depressão pode ser o primeiro passo no caminho da obesidade.

Embora a relação entre os dois problemas pareça indiscutível, ainda não se chegou a uma conclusão sobre as causas. Mas já existem algumas suposições ou possibilidades: por um lado, afirmam os especialistas, reações químicas entre medicamentos para uma das patologias poderia provocar o desenvolvimento da outra; ou o consumo de certos antidepressivos poderia levar ao sobrepeso ou à obesidade. O mesmo poderia acontecer a partir de algumas alterações neuroendócrinas.

Outra hipótese diz que a influência da obesidade no surgimento do quadro depressivo poderia ocorrer pela via da resistência à insulina ou mesmo por processos inflamatórios. E, observam os especialistas, não se pode esquecer da pressão exercida pelos padrões de beleza atuais, que não valorizam o sobrepeso.

O resultado do trabalho (“Overweight, Obesity and Depression”) confirma estudos que encontraram uma associação entre aumentos das taxas de obesidade e também de depressão, nos Estados Unidos.

Colunistas