Notícias Dicas


Risco

Risco

Os pesquisadores dizem que as crianças obesas ou com sobrepeso são mais propensas a desenvolver pressão alta na idade adulta. De acordo com o Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), a obesidade infantil mais do que duplicou em crianças. Em adolescentes, triplicou nos últimos 30 anos

As crianças obesas ou com sobrepeso são mais propensas a sofrer de hipertensão arterial na idade adulta, em comparação com as crianças de peso saudável, de acordo com um estudo apresentado na American Heart Association - High Blood Pressure Research Scientific Sessions 2013.

Os pesquisadores analisaram a pressão arterial e crescimento de 1.117 adolescentes saudáveis, ​​durante um período de 27 anos, a partir de 1986.

Dos participantes, 68% estava com peso normal, 16% estava acima do peso e 16% era obeso.

Na idade adulta, 119 dos participantes foram diagnosticados com pressão arterial elevada. Destes, seis por cento estava com peso normal quando crianças, 14% estava acima do peso, enquanto 26% era obeso quando criança.

Estes resultados mostram que a obesidade durante a infância pode aumentar o risco de pressão arterial elevada em quatro vezes na vida adulta, Nas crianças com sobrepeso, pode dobrar o risco de pressão arterial elevada quando adultos.

Além disso, em uma amostra de base populacional de 5 a 17 anos de idade, 70% dos jovens obesos tinham pelo menos um fator de risco para doença cardiovascular, como colesterol alto ou pressão arterial elevada.

No entanto, um relatório recente da Medical News Today destacou algumas estatísticas positivas do CDC, segundo as quais as taxas de obesidade infantil nos EUA diminuiu em 19 dos 43 estados e territórios estudados entre 2008 e 2011.

Intervenções para prevenir e tratar a obesidade irão desempenhar papel importante na redução da carga significativa de pressão arterial elevada na idade adulta. "

Além disso, o estudo mostrou que as crianças com pressão arterial elevada são três vezes mais propensos a desenvolver a doença quando adultos.

Após a contabilização de idade, sexo e peso , os pesquisadores descobriram que aqueles que tinham pelo menos uma leitura de pressão arterial elevada na infância têm quase 10 % mais risco de desenvolver a doença na idade adulta em comparação com crianças que tiveram leituras consistentemente normais de pressão arterial.

Outros problemas de saúde têm sido associados a obesidade quando criança ou adolescente. O Medical News Today informou recentemente que os adolescentes com sobrepeso que perdem peso podem estar em maior risco de desenvolver anorexia nervosa ou bulimia nervosa.


Colunistas