Notícias Dicas


Atividade Física em Foco

Atividade Física em Foco

Pablo de Moraes

 

No próximo dia 6 de abril, comemora-se o Dia Mundial da Atividade Física. A data foi instituída pela Organização Mundial de Saúde (OMS), tendo como base o programa brasileiro “Agita Mundo”, realizado desde 1997, na época apenas em São Paulo. No Brasil, para celebrar o dia, o Ministério da Saúde promove eventos nas capitais brasileiras e em mais de 300 cidades. Serão realizadas atividades físicas em praças, praias e outros locais públicos. O tema deste ano será “Eu sou do time que se movimenta pela saúde” e o objetivo é reduzir de 29% para 24% o percentual da população brasileira considerada sedentária.

 

Sabe-se que o sedentarismo é a principal causa de doenças cardiovasculares, diabetes e, principalmente, obesidade. O titular do Departamento de Atividade Física e Exercício da ABESO, Dr. Carlos Alberto Werutsky, afirma que as pessoas obesas devem incluir em sua rotina diária pelo menos 30 minutos de exercícios moderados. 

 

O que representa o Dia Mundial da Atividade Física?

Dr. Carlos Alberto Werutsky: Sua importância está no apelo da mídia, que estimula empresas, escolas e instituições a promoverem atos de mobilização em prol da atividade física, vestindo a camisa “eu sou fisicamente ativo”.

 

Qual a importância da atividade física na prevenção do sobrepeso e da obesidade?

Dr. Carlos Alberto Werutsky: A epidemia mundial da doença obesidade pode ser atribuída à hipoatividade física.  Um exemplo típico é o que está acontecendo na China, onde o ciclismo cotidiano (de trabalho) está sendo substituído pelo carro popular, cada vez mais acessível pela população em geral.

 

Se a pessoa já tem sobrepeso, onde deve se inserir a atividade física em sua rotina?

Dr. Carlos Alberto Werutsky: Estas pessoas devem, obrigatoriamente, introduzir na sua rotina diária, no mínimo, qualquer atividade física não programada por 30 minutos/dia, preferencialmente todos os dias da semana. Para prevenir a transição do sobrepeso para a obesidade, devem praticar exercícios moderados de 45-60 minutos/dia. 

 

Atividade física é recomendada para os já obesos?

Dr. Carlos Alberto Werutsky: Como recurso terapêutico no tratamento da obesidade, os exercícios moderados devem ser praticados 60-90 minutos/dia. É necessário, porém, uma avaliação física como, por exemplo, um teste de esforço ou ergométrico. Qualquer pessoa obesa, ao se tornar fisicamente ativa, independentemente da redução de peso, pode melhorar o seu perfil metabólico-hormonal, diminuindo os níveis de triglicérides e de colesterol, atenuando a hiperinsulinemia, ou reduzindo a pressão arterial sistêmica.

Obesos com IMC 40 kg/m², ou mais, podem se beneficiar com atividades físicas aquáticas, onde a refrigeração e o baixo impacto podem prolongar a duração dessa atividade, traduzindo-se em mais dispêndio de energia. Outra opção a esse grau de obesidade é a bicicleta ergométrica com banco e encosto, onde os joelhos em movimento ficam no mesmo nível do coração, tornando mais confortável essa atividade. Tanto na água como sentado na bicicleta, o peso corporal é parcialmente anulado.

 

Que tipo de atividade física é ideal e qual a frequência recomendada?

Dr. Carlos Alberto Werutsky: De acordo com a OMS, para a população em geral (independentemente do peso), pessoas entre 18-65 anos devem manter 30 minutos de atividade física de intensidade moderada (por ex.: caminhar), no mínimo cinco dias por semana. Ou 20 minutos de atividade física de intensidade vigorosa (por ex.: correr) três dias por semana. Além desses exercícios, incluir, ainda, atividade física de força (musculação) em 8-10 repetições/série pelo menos duas vezes por semana. Para pessoas com 65 anos ou mais,  valem todas as recomendações acima para adultos, desde que a intensidade seja apropriada para a idade. Devem ser incluídos exercícios de flexibilidade e de balanço (equilíbrio).

 

Leia mais:

 

http://www.abeso.org.br/le_noticia.php?rnd=17646921&idnot=224 

http://www.abeso.org.br/le_noticia.php?rnd=17873093&idnot=25

 

Colunistas