Dicas Notícias


Leite e derivados


Leite e derivados

O leite e seus derivados são uma importante fonte de proteínas, vitaminas e minerais, sendo a principal fonte alimentar de cálcio, mineral fundamental na saúde óssea, contração muscular e coagulação sanguínea. As proteínas do leite, como as de todos os alimentos de origem animal são de alto valor biológico. Isso significa que contêm todos os aminoácidos essenciais ao organismo (os que não conseguimos produzir no nosso corpo). Em um programa de redução de peso em que reduzimos o consumo de calorias totais da dieta e para indivíduos com alteração de colesterol, devemos dar preferência às versões com teores reduzidos de gordura. Algumas vitaminas podem ser perdidas nesse processo de redução de gordura, mas hoje já existem versões com baixo teor de gordura e enriquecidas em vitaminas. Por outro lado, a quantidade de cálcio é a mesma tanto no leite integral como no desnatado.

Os intolerantes à lactose não precisam excluir o leite e seus derivados da alimentação. Atualmente existem muitos produtos para esse público: leite integral, semidesnatado, desnatado; iogurte integral, iogurte com 0% gordura; queijo cottage, queijo minas frescal, queijo mussarela, queijo prato e requeijão. Durante a produção, os fabricantes adicionam a enzima lactase que “quebra” a lactose em glicose e galactose, forma como os açúcares são absorvidos pelo organismo.

É importante lembrar que intolerância à lactose é diferente da alergia à proteína do leite de vaca, ou seja, alérgicos NÃO devem consumir leite e derivados, mesmo os isentos de lactose.

Sugestões de consumo no café da manhã ou nos lanches:

  • leite com café,
  • leite batido com fruta,
  • leite com aveia,
  • leite com cereais;
  • iogurte com cereais e/ou fruta;
  • pão integral com queijo fresco ou ricota.

Colunistas